Banco de questões – Evolução – Conchas em montanhas

por Experimentoteca

[Unicamp 2017]

Um poeta chamado Zhu Xi escreveu o seguinte há cerca de 1200 anos: ‘No topo das altas montanhas vejo conchas que me dizem que antigos lugares de baixa altitude se elevaram para os céus e moram agora nos mais elevados picos. Estas conchas dizem-me também que materiais vivos de animais se converteram nas mais duras e inertes rochas.’ Essas palavras foram durante séculos lidas como se fossem versos. Mas Zhu Xi não era apenas um poeta: era um cientista, aquilo que, até há pouco se chamava um naturalista.

(Mia Couto,”Rios, Cobras e Camisas de Dormir”, em E se Obama fosse africano? E outras intervenções. 2.ed. Lisboa: Editorial Caminho, 2009, p.58.)

O poema citado por Mia Couto faz referência

  1. ao processo de migração de moluscos marinhos para topos de montanhas e a sua posterior fossilização.
  2. ao processo de decomposição de materiais vivos que ocorre nas rochas duras e inertes presentes nos topos das montanhas.
  3. à presença de fósseis de moluscos em montanhas que se formaram em regiões antes cobertas por água.
  4. à existência de fósseis de moluscos que habitavam topos de montanhas e hoje estão extintos.


Resposta
à presença de fósseis de moluscos em montanhas que se formaram em regiões antes cobertas por água.

ATENÇÃO: Crianças devem contar com a supervisão de um adulto para realizar qualquer atividade proposta neste site.
Nós usamos cookies. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Aceitar